Procedimentos

Secagem de Vasinhos em Curitiba

Ter pernas bonitas e saudáveis é o sonho de muitas mulheres e isso é possível na clínica ROYAL FACE, a melhor e mais completa clinica de estética de Curitiba.

Os vasinhos presentes na pele sofrem uma dilatação anormal, ficando mais aparentes e causando desconforto estético em muitas mulheres.

Felizmente é possível tratar essa condição sem a necessidade de procedimentos cirúrgicos!
A SECAGEM DE VASINHOS é um tratamento seguro, na qual são aplicadas substâncias especiais dentro dos microvasos, que se fecham e impede a passagem da circulação sanguínea, por isso desaparecem.

É um tratamento simples, mas que exige cuidados especiais durante e depois do tratamento.
Os resultados são efetivos e aparecem em poucos dias.

TENHA PERNAS MAIS BONITAS!

Com o tratamento os vasinhos aparentes são reduzidos ou eliminados, melhorando muito a estética das pernas.

Os microvasos podem ficar mais aparentes por vários motivos, e a condição atinge 70% das mulheres e 20% dos homens, causando desconforto, sobretudo com a parte estética.

O tratamento de secagem dos vasinhos é rápido e praticamente indolor, sendo necessário alguns cuidados pontuais depois de sua aplicação.

QUEM PODE REALIZAR O TRATAMENTO DE SECAGEM DOS VASINHOS?

Pessoas saudáveis que apresentam vasinhos aparentes, podem se submeter ao tratamento, mediante uma avaliação criteriosa de nossas profissionais.

QUANTAS SESSÕES SÃO NECESSÁRIAS PARA A SECAGEM DOS VASINHOS?

O número de sessões necessárias para a maior eficiência do tratamento, varia entre 3 a 5 aplicações, cada sessão dura em média 30 minutos.

O PROCEDIMENTO DE SECAGEM DE VASINHOS É SEGURO?

É um procedimento é minimamente invasivo e muito seguro, a substância utilizada é natural e é absorvida e eliminada pelo organismo, por isso não tem contra-indicações nem promove alergias.

COMO É O RESULTADO DO PROCEDIMENTO?

Após as sessões necessárias os vasinhos são eliminados e as pernas ficam mais bonitas, os vasos são literalmente secados e desaparecem.

Compartilhe: